Como aumentar a vida útil de uma coluna cromatográfica

Como-aumentar-a-vida-útil-de-uma-coluna-cromatográfica
Leia Mais...

Análise por HPLC ou UHPLC, como escolher a melhor coluna

Análises por HPLC
Leia Mais...

Análise de resíduos de agrotóxicos, kit de análise para até 745 analitos

Materiais-de-referência-de-pesticidas-e-metabólitos---Smart-Solutions-™-Pestimix
Leia Mais...

O que é cromatografia de fase reversa?

O-que-é-cromatografia-de-fase-reversa

A cromatografia de fase reversa (RPC) é uma técnica de cromatografia líquida que envolve a separação de moléculas com base em interações hidrofóbicas entre as moléculas de soluto na fase móvel e os ligantes fixados na fase estacionária.

Leia Mais...

O que é cromatografia? Quais seus principais usos na indústria?

O-que-é-cromatografia-Quais-seus-principais-usos-no-segmento-de-Life-Science
Leia Mais...

Coluna de fase estacionária para análise e purificação sob fase reversa

Coluna de fase estacionária para análise e purificação sob fase reversa
Leia Mais...

Triagem de ingredientes farmacêuticos, otimização do fluxo de trabalho

Aspectos de otimização do fluxo de trabalho de triagem através da coluna cromatográfica Kromasil EternityXT C18
Leia Mais...

Coluna HPLC Aquosa, fase estacionária hidrofóbica e fase móvel aquosa

Coluna-HPLC-Aquosa,-executando-fase-estacionária-hidrofóbica-e-fase-móvel-aquosa
Leia Mais...

Contaminação em combustíveis investigada com cromatografia

Cromatografia-investiga-contaminação-em-combustíveis

A contaminação de combustíveis é investigada com o uso da cromatografia para a separação de moléculas para identificação e mensuração. A gasolina e o etanol são dois dos principais combustíveis automotivos utilizados no Brasil.

Leia Mais...

kit para diagnóstico de Zika, Dengue e Chikungunya é criado em parceria

Kit-recentemente-registrado-na-Anvisa,-gera-inovação-na-capacidade-de-diagnóstico-de-doenças-como-dengue,-zika-e-chikungunya

kit para diagnóstico de Zika, Dengue e Chikungunya é desenvolvido através de parceria entre LGC Group e Instituto Paraná de Biologia Molecular (IBMP). O kit inovador, registrado recentemente na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), pode rastrear diferenciação na mesma reação no tipo de dengue (1, 2, 3 ou 4).

Leia Mais...