Cromatografia líquida preparativa, entenda a história e evolução

Cromatografia líquida preparativa, entenda a história e evolução

A cromatografia líquida preparativa tradicional nasceu em 1903, quando o botânico russo M. Twsett fez a primeira separação de pigmentos carotenos. As colunas que ele usava eram de vidro, embaladas com cascalho e eram basicamente operadas à pressão atmosférica.

Essa situação permaneceu inalterada por muitos anos, até a década de 1960, quando os químicos orgânicos começaram a usar colunas de aço inoxidável operadas em algumas barras.

Leia Mais